• Armazém na Estrada

SAUDADE

Atualizado: Mar 12

Por Daniel Junior


Substantivo feminino 

Que acomete homem 

Mulher, menina e menino,

Sentimentos melancólicos 

Das boas experiências vividas 

De toda uma vida. 


Saudade sentem os amantes,

Dos beijos ardentes,

Da presença dos corpos quentes;

Saudade é um trem esquisito,

Aperta o coração,

Sufoca o choro 

E impede o grito,

Saudade machuca,

Saudade dói,

Corrói, destrói. 


Saudade por causa da partida,

Sem aviso prévio,

Sem o último carinho,

Sem abraços,

Sem despedidas:

É a pior saudade que existe,

E demasiadamente triste. 


Saudade dos tempos vadios,

Das pescarias e banhos de rio,

Saudade da minha aurora,

Saudade que ficou 

E nunca foi embora...


Dizem que saudade é nossa,

É coisa da gente,

É nada!

Saudade é do mundo 

E onde estiver um solitário vivente, 

A saudade estará presente.


Daniel Junior é poeta e pedagogo


42 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo